Katiguá reposiciona marca para crescer no canal farma

O diretor comercial Edson Oliveira e o fundador Pedro Pereira

 

Varejo Farmacêutico – Uma das líderes de mercado no segmento de produtos naturais, a Katiguá iniciou um projeto de reposicionamento de marca com o objetivo de ampliar sua participação no varejo farmacêutico. Para isso, investiu na renovação do parque fabril, localizado em Extrema (MG), e no desenvolvimento de novas embalagens e linhas de produtos. Alguns, inclusive, já chegaram no canal farma neste mês de junho.

Apesar de estar presente em drogarias há mais de dez anos, por meio de 60 distribuidoras regionais, a Katiguá tinha sua imagem associada a produtos naturais e não a nutracêuticos. Nesse contexto, a empresa entendeu que, para crescer no varejo farmacêutico, precisava adequar a linguagem e profissionalizar a gestão. A reestruturação do departamento comercial foi um dos primeiros passos.

“Tínhamos poucas pessoas que viajavam para fazer atendimento in loco. Hoje temos em torno de 20 representantes visitando distribuidores e farmácias em todo o Brasil”, ressalta o diretor comercial Edson Oliveira. No fim de maio, a empresa realizou sua primeira convenção de representantes. Também está investindo em capacitações para os promotores, com equipe formada por uma nutricionista e um professor da Fundação Dom Cabral, com treinamento sobre engenharia comercial.

Empresa familiar

Com 24 anos de mercado, a empresa, de origem familiar, cresceu e ganhou evidência com o chá 30 ervas, um dos itens campeões de check-outs em casas de produtos naturais. Mas foi em 2010, com a Ração Humana, que a Katiguá conseguiu entrar em alguns distribuidores de grande porte do canal farma, além de drogarias do Walmart e do Pão de Açúcar, o que ajudou a empresa a entrar em vários players da Abradilan.

Em 2020, logo nos primeiros meses da pandemia, houve um aumento da demanda por suplementos vitamínicos e o Cevide – mini cápsulas de vitamina C com zinco –, foi o responsável por colocar a Katiguá em mais de 20 novos distribuidores. “O produto finalizou o ano entre os 20 lançamentos do ano mais vendidos no canal farma”, completa Oliveira.

Produzido em cápsulas gelatinosas, o Cevide também quebrou paradigmas na embalagem, com frascos semelhantes ao de uma vitamina C efervescente. O produto tem exclusividade da distribuição com os associados da Redifar. “Com ele a empresa dobrou de tamanho em relação a 2019. Neste ano, a meta é crescer pelo menos 50%”, acrescenta o executivo.

Lançamentos

Com 190 SKUs, a Katiguá tem um portfólio de produtos que variam de R$ 19,90 a R$ 150 para o consumidor, com tíquete médio na faixa de R$ 49,90. Cinco linhas estão disponíveis nas farmácias – premium, nutracêuticos/ naturais, popular, esportiva e beleza. Para esta última estão previstos o lançamento de 21 SKUS até o fim do ano. Um deles é o colágeno em sachê.

Com a proposta de apresentar o reposicionamento junto ao mercado e aos consumidores, a empresa fechou parceria com a equipe Cavaleiro, da Stock Car, e prepara outras novidades. “Ainda este ano, também queremos estreitar relacionamento com a Farmarcas e a Febrafar, bem como as grandes redes da Abrafarma”, finaliza.

KATIGUÁ

Fundação: 1997
Origem: Extrema (MG)
Funcionários: 90
Distribuidoras parceiras: 60
SKUs: 190

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu