• null

    Nossa atuação

    Central de negócios dos distribuidores regionais de medicamentos

     

    O cenário atual reserva muitas oportunidades para os empresários em nosso país. Mas ao lado das oportunidades residem inúmeros desafios que exigem extremo cuidado: alta carga tributária, forte concorrência, burocracias etc. De todos esses, o mais estimulante está no próprio cerne do ambiente de negócios: a competitividade entre as empresas.

     

    Como se manter ou se tornar competitivo para aproveitar o momento e construir o futuro? Essa é a busca frenética de executivos e empresários de todos os setores. É preciso conquistar novos mercados, ampliar a participação no mercado em que atua, fortalecer suas marcas e enfrentar os concorrentes. Gerar respostas eficazes para as questões acima pode significar o sucesso no negócio.

    Sabemos que as respostas não são simples e exigem cada vez mais criatividade e inovação, quer no campo gerencial e tecnológico quer na relação das empresas com o mercado. Nesse contexto, a cooperação tem se destacado como um meio capaz de torná-las mais eficientes.

     

    Fortalecer o poder de compras, compartilhar recursos, combinar competências, dividir o ônus na realização de pesquisas tecnológicas, partilhar riscos e custos para explorar novas oportunidades, oferecer produtos e serviços com qualidade superior e diversificada são estratégias cooperativas que têm sido utilizadas com mais frequência, anunciando novas possibilidades de atuação no mercado.

    Várias dessas estratégias ganham um caráter formal de organização. E é cada vez mais óbvio concluir que as empresas que se mantiverem isoladas terão mais dificuldades de se manter competitivas.

     

    Analisando esse cenário e nosso setor, observamos que as farmácias cada vez mais unem forças, seja por meio do associativismo ou pelo próprio crescimento orgânico da rede. Os laboratórios também vêm buscando o fortalecimento com aquisições. Porém, os distribuidores estão isolados, sem força e perdendo gradualmente o poder de competição.

     

    É nesse contexto que estamos tomando a iniciativa de propor a criação de uma rede dos distribuidores regionais de medicamentos, a fim de fortalecer as empresas participantes por meio de uma central de negócios.

  • null

    Missão, visão e valores

    Missão
    Prestar serviços de comercialização, distribuição e logística, nacionalmente e de maneira integrada entre seus associados regionais, com qualidade e confiabilidade, sempre visando à satisfação dos nossos clientes e fornecedores

    Visão
    Ser reconhecida como a primeira e melhor rede de distribuição do setor farmacêutico no Brasil

    Valores

    • União
    • Transparência
    • Compromisso
    • Profissionalismo
    • Cooperação
    • Respeito
    • Humildade
    • Honestidade
  • null

    Objetivos

    A REDE NACIONAL DE DISTRIBUIDORES DE MEDICAMENTOS – REDIFAR tem como objetivo promover um ambiente de negócios que favoreça a capacidade de inovação e a competitividade das empresas associadas, individualmente e no arranjo produtivo, para o desenvolvimento social e econômico sustentável do país, cumprindo-lhe:

    I. Promover a integração entre as empresas associadas, visando ao fortalecimento do setor de distribuição farmacêutica

    II. Promover a integração com outras associações similares, entidades ou grupos ligados ao âmbito de atuação da REDE NACIONAL DE DISTRIBUIDORES DE MEDICAMENTOS – REDIFAR, em ações com objetivos comuns

    III. Promover parcerias entre as empresas associadas, visando ao atendimento das demandas de mercados, produtos ou serviços que, pela quantidade ou especificidade, não possam ser atendidos pelas associadas individualmente

    IV. Promover acordos ou desenvolver parcerias entre as empresas associadas visando à maior eficiência em seus relacionamentos comerciais

    V. Implementar ações que apoiem as empresas associadas no desenvolvimento de inovações tecnológicas, promovendo parcerias na formulação e execução de projetos de pesquisa e desenvolvimento

    VI. Promover, realizar ou fomentar estudos e pesquisas visando a incentivar e fortalecer as empresas associadas

    VII. Desenvolver atividades de prospecção de tendências tecnológicas e oportunidades de novos negócios, visando à ampliação dos níveis de competitividade sistêmica e lucratividade das empresas associadas

    VIII. Intermediar a negociação de materiais, equipamentos e serviços de interesse ao conjunto das empresas associadas

    IX. Organizar e executar atividades de capacitação, diretamente ou pela promoção da interação das empresas associadas com entidades ou grupos ligados ao âmbito de atuação da REDE NACIONAL DE DISTRIBUIDORES DE MEDICAMENTOS – REDIFAR, de forma a incentivar o desenvolvimento técnico e gerencial de cada um e do conjunto de suas empresas associadas

Estamos presentes em todo território nacional

Menu